Anvisa lança painel com informações sobre inspeções de BPF


Nova ferramenta permite consultas sobre inspeções realizadas pela Agência ou por órgãos locais de vigilância do país. Confira mais informações abaixo.

 

A Anvisa lançou um painel que permite a consulta a informações de inspeções para fins de verificação do cumprimento de Boas Práticas de Fabricação (BPF), realizadas pela própria Agência ou pelos órgãos de Vigilância Sanitária Estaduais, Distrital ou Municipais (Visas).   

A ferramenta apresenta, a partir de uma determinada data (indicada no próprio painel), informações relacionadas às inspeções de fabricantes nacionais e internacionais de medicamentos, de insumos farmacêuticos ativos (IFAs) e de alimentos, além de fabricantes nacionais de produtos para a saúde (dispositivos médicos), cosméticos e saneantes.   

 As inspeções incluídas no painel podem ter sido conduzidas para fins investigativos ou para fins de decisão de Certificado de Boas Práticas de Fabricação (CBPF).  

O painel, que será atualizado mensalmente, apresenta também o número de inspeções realizadas, bem como os resultados dessas atividades, além dos nomes dos fabricantes e dos países em que estão localizados.  

De acordo com a Gerência-Geral de Inspeção e Fiscalização Sanitária (GGFIS), a nova ferramenta permite também o monitoramento de estabelecimentos e promove o compartilhamento dessas informações com a sociedade e com outras autoridades reguladoras.   

A iniciativa visa dar continuidade ao compromisso de favorecer a transparência das atividades desenvolvidas pela Agência e está alinhada aos requisitos legais e normativos de transparência, bem como à divulgação de informações realizada por outras autoridades reguladoras, como as agências norte-americana (Food and Drug Administration - FDA) e a europeia (European Medicines Agency - EMA).  

A GGFIS esclarece que o painel não abarca todas as inspeções já realizadas para fins de verificação de Boas Práticas de Fabricação.   

Para mais informações sobre o painel e como usá-lo, clique em “Como ler o painel?”.

 

Fonte: ANVISA.

Fale conosco via Whatsapp